Back to the Mac

Depois quase 3 anos sem usar mac como sistema principal, comprei um imac 🙂 Me arrependo de não ter comprado antes.

Já falei em outros posts, gosto do hacrdware da apple, ele é bem equilibrado, bonito, funcional e na minha mão, dura muito… Tenho 2 imacs de 98, funcionando, rodando debian… só não uso no dia a dia pq preciso da WEB e seus ajaxes e js usam memória e processador demais pra um G3 233Mhz com 192Mb de RAM. Tenho um ibook, funcionando, com um safari safado, mas funcionando e por ai vai. Meu único produto apple que morreu foi um macbook pro Rev A, que foi o primeiro mac com processador intel a ser vendido…. Por ser um Rev A, era esperado… as vezes ele liga, mas não é confiável.

A apple perdeu um pouco do esmero, lembro de um imac aluminio que tirei da caixa em 2008, ele veio até com flanelinha pra limpar a tela, esse meu, só veio com mouse, teclado, o mac e o cabo…. nada de DVD, controle remoto ou flanelinha.

O que me motivou a comprar um iMac principalmente foram os problemas de hardware dos meus dois computadores domésticos. Meu desktop, de 2008 mas com tecnologia de 2007 que foi por 2 anos um hackintosh de respeito, mas que tinha um problema de limitação de memória (apenas 2gb sem possibilidade de expansão). Com o tempo ele ficou muito lerdo pra rodar o Leopard, troquei por um linux, mas como uso muitas maquinas virtuais ficou inviavel.

A outra máquina é um dell studio, máquina que me arrependo de ter comprado, apesar do processador potente o resto não acompanha, teclado mole, tela com cores ruins, som péssimo, HD lerdo e bateria que arriou com menos de 2 anos… nas ultimas semanas a rede tanto por wifi quanto por cabo se tornaram intermitentes… não importa o SO, um fiasco. A gota ficou pela atualização do driver proprietário da AMD/ATI, ela abandonou o suporte a minha placa, e o driver livre não presta… Já passei por isso antes, daqui a alguns releases do kernel o driver velho não vai compilar mais, e eu vou ficar na mão … Acho que usar um windows 7 com cygwin é um final mais digno pro notebook.

Enfim, não desisti do linux, onde ele funciona sem me encher o saco ele continuará sendo usado, como no meu netbook, mas o imac me traz uma estabilidade, tenho garantia pelos próximos 3 anos, e pelo menos mais 5 anos de suporte ao sistema operacional pela apple, e após esse período ele será uma workstation bacana rodando um linux leve pra máquinas antigas.

Minha fase de sair recomendando macs a torto e a direito passou, mas me traz uma satisfação enorme dizer que daquela época pra cá, temos 3 sistemas operacionais decentes tanto pra users avançados quanto iniciantes, tá de saco cheio de um vai pro outro, sem frescura, simples assim.